Blog

Pico do Lopo, Brazil

(english version go to the bottom of the text)
texto por Fábio Matuzawa © (instagram @fmatuzawa)

fotos por Fabio Matuzawa e Priscila Picholari

Quando vi as notícias que o cometa NEOWISE começaria a ser visível no hemisfério sul comecei a pesquisar onde poderia ir tentar fotografá-lo. Com a pandemia, não tinha certeza quais montanhas estariam abertas, pois as tradicionais escolhas como a região da Serra Fina, Marins e de Itatiaia estavam fechadas. O recente incêndio ocorrido na Serra Fina aumentou ainda mais a restrição de acesso.

Comecei a pesquisar lugares propícios, próximos a São Paulo, e decidi tentar a sorte no Pico do Lopo localizado na cidade de Extrema, em Minas Gerais. Extrema fica mais ou menos a 100km de São Paulo, praticamente na divisa entre os estados.

O Pico do Lopo faz parte do complexo da Mantiqueira e tem cerca de 1.700 metros de altura. A trilha é bem tranquila, perfeita para quem está começando a se interessar pelo montanhismo, ou aproveitar o visual em um único dia.

Como chegar?

O começo da trilha fica em uma propriedade particular, a pousada Céu da Mantiqueira. Como moro em São Paulo, o caminho mais perto é pela estrada Fernão Dias (BR381). Dá para chegar tranquilo usando o waze ou o google maps, basta colocar o nome da pousada que os aplicativos dão a rota direta até lá.

A pousada tem estacionamento e custa R$20,00 (em julho de 2020) a entrada por pessoa, para ter acesso a trilha. Lá eles também oferecem café da manhã, almoço ou jantar.

Entre em contato previamente com a pousada por whatsapp (+55 35 99764.4192) para pegar o voucher das entradas. Na situação atual de pandemia, há pessoas da prefeitura bloqueando o acesso da estrada de Embratel que leva a pousada, porém se você estiver com o voucher, sua entrada é liberada.

A trilha…

A trilha é bem demarcada e tem por volta de 3,5km de distância. Podemos dividí-la em duas partes: o primeiro trajeto até a Pedra das Flores, aproximadamente 3km e o segundo até a pedra do Cume.  O caminho até a Pedra das Flores é bem tranquilo, há uma grande área de camping protegida dos ventos e conta com um visual incrível da represa de Jaguari e do cume. É sem dúvida um ótimo lugar para contemplar o amanhecer. Se você estiver acampando na Pedra das Flores e quiser ver ao pôr do sol, retorne pela trilha de acesso por 5 a 10 min até um platô de pedra, onde é possível apreciar um belo pôr do sol.

Da Pedra das Flores até a Pedra do Cume a dificuldade da trilha passa para dificuldade moderada, com subidas e decidas mais íngremes e com algumas partes de escalaminhadas. Tem inclusive um trecho perto do cume com uma corda necessária para auxiliar no acesso. Se quiser assinar o livro do Cume, é preciso levar equipamento de escalada pois ele fica em uma pedra com aproximadamente 4m de altura, conta com três costuras e as chapas para fazer a parada.

É possível acampar na Pedra do Cume, há espaço para duas barracas pequenas e o visual é de quase 360°, portanto com ótima visão do nascer e pôr do sol. Porém é muito exposto aos fortes ventos da região.

O que esperar…

Lá em cima não há nenhum tipo de infraestrutura, portanto seja consciente, leve seu shit tube para recolher suas fezes, se quiser cozinhar leve fogareiro pois não se deve fazer fogueiras nas montanhas pelo risco de incêndios como o ocorrido na Serra Fina semana retrasada. Não há pontos de água, então leve o necessário para você fazer a trilha ou passar a noite caso a opção seja acampar.

A vista é bem bacana principalmente do lado da represa, uma ótima pedida perto de São Paulo e para quem quer iniciar no montanhismo. Há sinal de celular, algo que não é muito normal nesse tipo de passeio.

Fotografia…

O Pico do Lopo permite ótimas fotografias de paisagem, pôr do sol, nascer do sol e durante a noite com a astrofotografia. A composição da Pedra das Flores é linda demais com a Pedra do Cume de fundo.

Não esqueça do tripé e controle disparador para as fotos de Via Láctea e também longas exposições durante o dia, caso você tenha um filtro ND. Na minha opinião vale a pena levar uma tele para as fotos do pôr do sol e amanhecer, além de uma lente mais aberta para as fotos normais e da Via Láctea.

Dicas…

– Antes de subir a montanha, cheque a previsão do tempo para saber quais tipos de roupas levar e se vale a pena subir.

– Não esqueça do protetor solar, água, comida e shit tube.

– Leve sempre com você um kit de primeiros socorros, uma lanterna, de preferência uma head lamp com pilhas extras e o anorak.

– Esse é o link da trilhado meu perfil do wikiloc para vocês seguirem.

Espero o texto tenha sido útil para a programação da sua próxima aventura, qualquer dúvida deixe um comentário ou entre em contato que eu tentarei ajudar do jeito que eu puder.

Obrigado por ler 🙂

Pico do Lopo

Text by Fábio Matuzawa © (instagram @fmatuzawa)

photos by Fabio Matuzawa and Priscila Picholari

When I saw the news that Comet NEOWISE would start to be visible in the southern hemisphere I started to research where I could try to photograph it. With the pandemic, I was not sure which mountains would be open, as traditional choices such as the Serra Fina, Marins and Itatiaia regions were closed. The recent fire in Serra Fina further increased access restrictions.

I started researching suitable places, close to São Paulo, and decided to try my luck at Pico do Lopo located in the city of Extrema, in Minas Gerais. Extrema is more or less 100km from São Paulo, practically on the border between the states.

Pico do Lopo is part of the Mantiqueira complex and is about 1,700 meters high. The trail is very quiet, perfect for those who are starting to be interested in mountaineering, or to enjoy the view in a single day.

How to get there…

The trail starts in a private property, the Céu da Mantiqueira inn. As I live in São Paulo, the closest way is through the Fernão Dias road (BR381). You can arrive peacefully using waze or google maps, just put the name of the inn that the applications give the direct route to there.

The inn has parking and costs R $ 20.00 (in July 2020) entrance per person, to have access to the trail. There they also offer breakfast, lunch or dinner.

Please contact the hostel via whatsapp (+55 35 99764.4192) in advance to get the voucher for the tickets. In the current pandemic situation, people from the city hall are blocking access to the Embratel road that leads to the inn, but if you have the voucher, your ticket is released.

The trail…

The trail is well demarcated and is about 3.5 km away. We can divide it into two parts: the first route to Pedra das Flores, approximately 3km and the second to Pedra do Cume. The path to Pedra das Flores is very quiet, there is a large camping area protected from the winds and has an incredible view of the Jaguari dam and the summit. It is undoubtedly a great place to contemplate the dawn. If you are camping at Pedra das Flores and want to see at sunset, return by the access trail for 5 to 10 min to a stone plateau, where you can enjoy a beautiful sunset.

From Pedra das Flores to Pedra do Cume the difficulty of the trail changes to moderate difficulty, with steeper ascents and descents and some parts of little climbs. It even has a section near the summit with a rope needed to help access. If you want to sign the book of the summit, you need to bring climbing equipment because it is on a stone approximately 4m high.

It is possible to camp at Pedra do Cume, there is space for two small tents and the view is almost 360 °, therefore with a great view of the sunrise and sunset. However, it is very exposed to the strong winds of the region.

What to expect…

There is no type of infrastructure up there, so be aware, take your shit tube to collect your feces, if you want to cook a light stove because you shouldn’t build fires in the mountains because of the risk of fires like what happened in Serra Fina last week. There are no water points, so take what you need to hike or spend the night if you choose to camp.

The view is very nice especially on the side of the dam, a great option close to São Paulo and for those who want to start mountaineering. There is a cellular signal, something that is not very normal in this type of tour.

Photography…

Pico do Lopo allows great photographs of landscape, sunset, sunrise and at night with astrophotography. The composition of Pedra das Flores is too beautiful with the Pedra do Cume in the background.

Don’t forget the tripod and trigger control for Milky Way photos and long exposures during the day, if you have an ND filter. In my opinion, it is worth taking a tele for sunset and sunrise photos, as well as a more open lens for normal and Milky Way photos.

Tips…

– Before going up the mountain, check the weather forecast to find out what types of clothes to take and if it is worth climbing.

– Don’t forget sunscreen, water, food and shit tube.

– Always take with you a first aid kit, a flashlight, preferably a head lamp with extra batteries and anorak.

– This is the link to the track on my wikiloc profile for you to follow.

I hope the text has been useful for the programming of your next adventure, any questions leave a comment or contact me and I will try to help in any way I can.

Thanks for reading 🙂

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *